Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Em preparação à Romaria - 8º dia: Novena de N. Sra. da Salette

Publicado em MARCELINO RAMOS
Lido 74 vezes
Avalie este item
(0 votos)

 

8° Dia:

Cultivar e guardar a criação é nossa missão...

RITOS INICIAIS

Animador: irmãos e imãs, bem-vindos ao 8º encontro de nossa novena.  A nossa reflexão, hoje, nos convida a cuidar da criação de modo especial, dos Biomas Brasileiros. A criação é dom de Deus, por isso, somos chamados a promover relações fraternas com a vida e a cultura dos povos à luz do Evangelho conforme nos pedia a Campanha da Fraternidade deste ano.

Iniciemos nossa celebração cantando o Hino da Campanha da Fraternidade 2017.

v  Procissão

v  Saudação Inicial

v  Ato Penitencial

v  Glória

v  Coleta

LITURGIA DA PALAVRA

Animador: A Campanha da Fraternidade deste ano de 2017, em seu lema: “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2,15) nos recordou desta missão que nos foi confiada pelo Criador. Neste sentido, a Liturgia da Palavra de hoje quer nos despertar para a importância de uma conversão ambiental a fim de que nos sintamos corresponsáveis pela criação.

 

PRIMEIRA LEITURA - Gn 2,4-9 2,15-17

Leitura do livro de Gênesis:

Tal é a história da criação dos céus e da terra. Não existia ainda sobre a terra nenhum arbusto nos campos, e nenhuma erva havia ainda brotado nos campos, porque o Senhor Deus não tinha feito chover sobre a terra, nem havia homem que a cultivasse; mas subia da terra um vapor que regava toda a sua superfície. Senhor Deus formou, pois, o homem do barro da terra, e inspirou-lhe nas narinas um sopro de vida e o homem se tornou um ser vivente. Ora, o Senhor Deus tinha plantado um jardim no Éden, do lado do oriente, e colocou nele o homem que havia criado. O Senhor Deus fez brotar da terra toda sorte de árvores, de aspecto agradável, e de frutos bons para comer; e a árvore da vida no meio do jardim, e a árvore da ciência do bem e do mal. O Senhor Deus tomou o homem e colocou-o no jardim do Éden para cultivá-lo e guardá-lo. Deu-lhe este preceito: "Podes comer do fruto de todas as árvores do jardim; mas não comas do fruto da árvore da ciência do bem e do mal; porque no dia em que dele comeres, morrerás indubitavelmente."

Palavra do Senhor.Graças a Deus.

RESPONSORIAL - Sl 103

Enviai o Vosso Espírito, Senhor,

e da terra toda a face renovai!

1. Bendize, ó minha alma, ao Senhor!

 Ó, meu Deus e meu Senhor, como sois grande!

 Quão numerosas, ó Senhor, são vossas obras!

Encheu-se a terra com as vossas criaturas!

2. Se tirais o seu respiro, elas perecem

e voltam para o pó de onde vieram.

 Enviai o vosso espírito e renascem

e da terra toda a face renovais.

3. Que a glória do Senhor perdure sempre,

e alegre-se o Senhor em suas obras!

 Hoje, seja-lhe agradável o meu canto,

pois o Senhor é a minha grande alegria

 

EVANGELHO – Mt 4, 1-11

 O Senhor esteja convosco.

Ele está no meio de nós.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

Glória a vós Senhor

Naquele tempo, o Espírito conduziu Jesus ao deserto, para ser tentado pelo diabo. Jesus jejuou durante quarenta dias e quarenta noites, e, depois disso, teve fome. Então, o tentador aproximou-se e disse a Jesus: “Se és o Filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães!” Mas Jesus respondeu: “Está escrito: ‘Não só de pão vive o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus’”.

Então o diabo levou Jesus à Cidade Santa, colocou-o sobre a parte mais alta do Templo, e lhe disse: “Se és o Filho de Deus, lança-te daqui abaixo! Porque está escrito: ‘Deus dará ordens aos seus anjos a teu respeito, e eles te levarão nas mãos, para que não tropeces em alguma pedra’”. Jesus lhe respondeu: “Também está escrito: ‘Não tentarás o Senhor teu Deus!’”

Novamente, o diabo levou Jesus para um monte muito alto. Mostrou-lhe todos os reinos do mundo e sua glória, e lhe disse: “Eu te darei tudo isso, se te ajoelhares diante de mim, para me adorar”. Jesus lhe disse: “Vai-te embora, Satanás, porque está escrito: ‘Adorarás ao Senhor, teu Deus, e somente a ele prestarás culto’”. Então o diabo o deixou. E os anjos se aproximaram e serviram a Jesus.

 Palavra da Salvação. Glória a vós, Senhor.

HOMILIA...

ORAÇÃO DA ASSEMBLEIA

Padre: Maria é a mãe sempre presente nas atividades de seus Filhos. Nunca os abandona e nem deixa sem amparo. Roguemos para que ela olhe para todos nós, seus filhos e ampare de modo especial os mais fracos e abandonados, os tristes e doentes, os ameaçados de morte e perigo. Cantemos:

Maria, cheia de graça e consolo, venha caminhar com teu povo, nossa mãe sempre será!

1-  Mãe, ajude-nos a promover o direito à vida e a cultura dos povos tradicionais que habitam os diversos biomas brasileiros.

2-  Mãe, ajude-nos a despertar na sociedade o interesse por políticas públicas de preservação do meio ambiente do pantanal.

3-  Mãe,  ajude-nos a dar visibilidade às populações com suas culturas e costumes.

4 – Mãe,leve-nos a colaborar com a defesa das comunidades ribeirinhas a fim de que tenham seus direitos garantidos.

5- Mãe, que os povos indígenas tenham a garantia da demarcação de suas terras, para que possam viver onde viveram os seus ancestrais.

Padre: Deus Onipotente, que estais presente em todo o universo e na mais pequenina das vossas criaturas, Vós que envolveis com a vossa ternura tudo o que existe, derramai em nós a força do vosso amor para cuidarmos da vida e da beleza. Inundai-nos de paz, para que vivamos como irmãos e irmãs sem prejudicar ninguém. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.

LITURGIA EUCARÍSTICA

Animador: Na visão bíblica, o ser humano recebe missão especial, a de cultivar e de guardar a terra, ser o seu jardineiro, não seu predador, vivendo três relações básicas: com Deus, com o próximo e com a obra criada. Conscientes desta realidade, apresentemos os nossos Dons no altar do Senhor. Cantemos:

v  Oração Eucarística

v  Rito da Comunhão

v  Silêncio

v  Oração pós Comunhão

MOMENTO MARIANO

Padre: A CF ao propor a reflexão sobre os biomas brasileiros e a convivência dos povos tradicionais (nativos) destaca a importância da consciência de que na criação tudo está interligado. Isso nos desperta para a necessidade imperativa de cultivar este vínculo de unidade entre o homem e a natureza.  Pois, a “relação” entre a humanidade e o restante da criação é de suma importância para a vida no planeta.

Atentos a esta realidade, no momento mariano de hoje, com a ajuda da Virgem Maria, peçamos ao Criador que nos ajude a cuidar do Planeta, nossa casa comum.

Ave-Maria...

LEMBRETES

 

BÊNÇÃO

Mais Lidas

Advento: Significado e origem

04 Dez 2017 Notícias Salette

O tempo do Advento

04 Dez 2017 Notícias Salette

A lição da humildade: Maria e José

05 Dez 2017 Notícias Salette